'Um dos suspeitos conhecia o pai da vítima', diz delegado sobre sequestro de adolescente em Arapiraca

Postado em 17 de Junho de 2021 ás 07:42
Empresário conhecido como Maurício Gordo contratou quatro pessoas para sequestrar a vítima e pedir resgate. Ele e dois suspeitos morreram na ação policial; outros dois foram presos. Delegado diz que mandante do sequestro de adolescente em Arapiraca conhecia o pai da vítima
O homem apontado como mandante do sequestro da adolescente de 14 anos em Arapiraca, Agreste de Alagoas, conhecia o pai da vítima. A informação foi divulgada pela Polícia Civil nesta quinta-feira (17). Maurício Gordo, como era chamado Mauricio Pereira da Silva, era empresário e foi morto na ação policial que resgatou a vítima.
De acordo com o diretor da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), Gustavo Xavier, Maurício trabalhava no mesmo ramo que o pai da vítima.
"O Maurício Gordo trabalhava com equipamentos de carros, troca de peças e aplicação de fumê. O mesmo ramo em que o pai da vítima trabalhava. Ele conhecia o pai, a mãe e a família da menina. Um dos criminosos preso disse que a intenção do grupo era pedir resgate para a liberar a menina", disse.
A adolescente e os pais dela prestaram depoimento à Polícia Civil nesta manhã. 'A gente só quer esquecer', afirmou o pai da vítima após ser ouvido pelo delegado.
As investigações apontam que Maurício contratou quatro criminosos em Maceió para fazer o sequestro. O carro usado no crime, um Ônix de cor vermelha, foi locado um dia antes. Além do mandante, outros dois suspeitos foram mortos na ação policial. Dois foram presos.
"Três criminosos foram até a casa da vítima, trancaram os pais em um cômodo e recolheram os celulares deles. Um celular foi deixado com a família, que seria para o contato com eles. Depois, a menina foi deixada com o Maurício Gordo em um Honda Civic", afirmou o delegado.
Vídeo mostra momento em que adolescente é levada por criminosos
Câmeras de circuito interno registraram o momento em que a adolescente é levada pelos criminosos no carro vermelho (assista no vídeo acima).
Os pais da adolescente acionaram a polícia, que iniciou as buscas. Dois criminosos foram presos em Maceió ainda na tarde de quarta (16). Por volta de 21h, a vítima foi liberada perto da Usina Porto Rico.
A polícia seguiu em busca dos outros criminosos, que foram interceptados em Anadia. Houve troca de tiros. Os três suspeitos foram atingidos e socorridos para o Hospital de Emergência do Agreste, mas não resistiram aos ferimentos.
"Felizmente nenhum policial ficou ferido na ação. A adolescente foi resgatada antes mesmo de chegar ao cativeiro e bem. Tudo isso graças ao trabalho ágil da força policial, ela foi encontrada bem", falou o delegado Gustavo Xavier.
Assista aos vídeos mais recentes do G1 AL
Veja mais notícias da região no G1 Alagoas
OUÇA AO VIVO
-