Ufal mantém aulas presenciais suspensas mesmo com autorização do governo do estado para retorno

Postado em 22 de Outubro de 2020 ás 20:24

Período Letivo Excepcional (PLE) continua e tem duração de 3 meses, indo até janeiro de 2021. Apenas atividades dos cursos da área de saúde foram retomadas. Ufal deve manter suspensão das aulas dando continuidade ao Período Letivo Excepcional (PLE)
Magda Ataíde/G1
A Universidade Federal de Alagoas (UFAL) ainda não tem previsão para retomada das aulas presenciais. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (22) pela assessoria de comunicação da instituição.
As universidades e faculdades estão entre os segmentos que foram liberados pelo governador Renan Filho para que possam fazer a retomada gradativa das aulas presenciais a partir da próxima segunda (26).
Mesmo assim, a Ufal informou que deve seguir as demais universidades federais do país e manter a suspensão das aulas dando continuidade ao Período Letivo Excepcional (PLE), que tem duração de 3 meses com aulas remotas, indo até janeiro de 2021.
Ainda segundo a assessoria, só então será avaliada a retomada das aulas presenciais já que o Ministério da Educação (MEC) permitiu aulas remotas até dezembro de 2021.
Apenas as atividades dos cursos da área de saúde foram retomadas, com o atendimento à população nos estágios em hospitais e unidades de saúde.
O Centro Universitário Tiradentes (Unit-AL) informou, através de nota, que as aulas presenciais na instituição devem continuar suspensas até que as medidas de segurança sejam avaliadas em conformidade com o Plano de Retomada do Grupo Tiradentes.
O G1 aguarda retorno da assessoria do Centro Universitário CESMAC.
Veja os vídeos mais recentes do G1 AL
Veja mais notícias da região no G1 Alagoas
OUÇA AO VIVO
-